segunda-feira, maio 14, 2018

IMAGINÁRiO #715

José de Matos-Cruz | 16 Maio 2019 | Edição Kafre | Ano XVI – Semanal – Fundado em 2004

PRONTUÁRiO

INTERFERÊNCIAS
Entre os quadradinhos e o cinema, nos últimos oitenta anos, o que mudou desde que os heróis passaram a voar? A resposta a esta e muitas outras questões paira em Go Girl! (2000), sob chancela Image Comics - uma espécie de saga realista com aliciantes fantásticos, para os mais jovens mas capaz de agradar aos leitores de todas as idades. Tudo começa porque a pobre Lindsay julga que ninguém gosta dela e, tal como sucedia nos filmes antigos, sonha que seria feliz se pudesse evadir-se do seu próprio mundo. Sobretudo, tal como James Stewart quanto aos inimigos, podendo ver-se finalmente livre de Go Girl - mas a verdade é que o carismático actor nunca teve de enfrentar tão terríveis adversários e malfeitores. Além de que, a qualquer pessoa com uma dupla personalidade, fica sempre bem vigiar os inimigos lá do alto, para um ataque fulminante…
Uma prestigiada argumentista, Trina Robbins aliou-se à ilustradora Anne Timmons, para recriarem, sob uma perspectiva feminina, o universo dos paladinos urbanos - com muitas peripécias, alguns azares e, sobretudo, um jogo sugestivo de identificação com as mais novas gerações de leitores.

CALENDÁRiO

31JAN-03MAR2018 - Em Lisboa, Galeria Baginski apresenta Três Estações Nocturnas - exposição de pintura, desenho e escultura de Paulo Brighenti.

03FEV-03MAR2018 - No Porto, Sismógrafo apresenta C For Heads / H Para Cabeças - exposição de desenho e pintura de Jorge Queiroz, sendo curador Óscar Faria. IMAG.351-603-621-666

03FEV-17MAR2018 - Em Lisboa, Fundação Carmona e Costa apresenta Todas as Histórias - exposição de desenho e vídeo de Vasco Araújo, sendo curador Pedro Faro. IMAG.554

1921-13FEV2018 - Maria Natália Nunes, aliás Natália Nunes: Escritora portuguesa, ficcionista, dramaturga e ensaísta, autora de Autobiografia de Uma Mulher Romântica (1955) - «Nós temos projectos que nunca se realizam, porque vêm outros que nos exigem mais ou porque a vida não deixa. A vida não nos deixa fazer muitas coisas» (a Página da Educação).

15FEV-29ABR2018 - Em Lisboa, Atelier-Museu Júlio Pomar expõe Chama de Júlio Pomar, Rita Ferreira e Sara Bichão, sendo curadora Sara Antónia Matos. IMAG.19-312-449-495-505-534-552-553-562-582-596-604-610-620-631-635-646-652-676-710

23FEV-15ABR2018 - No Centro Cultural de Cascais, Fundação D. Luís I apresenta O Lirismo Plástico - exposição de pintura de Paul Mathieu (Bélgica).

PARLATÓRiO

Uma vez, durante a tarde, a linha começara de novo a erguer-se. Mas o peixe continuara a nadar normalmente, embora a um nível um pouco mais elevado. O sol batia agora no braço, no ombro direito e nas costas do velho. Por isso, ele sabia que o peixe virara para nordeste.
Agora, que já o tinha visto uma vez, podia imaginar o peixe a nadar com as suas barbatanas peitorais, purpúreas e abertas como duas asas imensas, e a imponente cauda, erecta, cortando a escuridão das águas. «A que distância poderá ele ver naquela escuridão?», pensou o velho. «Tem os olhos enormes, e um cavalo, com olhos muito mais pequenos, pode ver bastante bem no escuro. Antigamente, eu também via bastante no escuro. Não numa escuridão completa, naturalmente. Mas quase tão bem como um gato.»
O sol e os movimentos regulares dos dedos tinham afastado a câimbra completamente e já conseguira recuperar o uso da mão esquerda. Passou um pouco do esforço para essa mão, distendendo os músculos das costas para aliviar a dor que a linha lhe provocava.
Se ainda não estás cansado, peixe – disse, em voz alta – és, na verdade, um peixe muito estranho.
Ernest Hemingway
- O Velho e o Mar (1952 – excerto)

MEMÓRiA

1908-16JUL1989 - Heribert Ritter von Karajan, aliás Herbert von Karajan: Maestro austríaco - «…Provavelmente, o maestro mais conhecido do mundo e uma das figuras mais poderosas na música clássica» (The New York Times).
IMAG.173-203-212-223-227-235-236-237-239-266-538-551-553-653

17JUL1899-1986 - James Francis Cagney, aliás James Cagney: Actor e bailarino americano de teatro e cinema - «Avança decidido, põe os pés firmes na terra, olha o sujeito bem nos olhos e diz-lhe a verdade!». IMAG.76

17JUL1919-1982 - João José Cochofel: Poeta e ensaísta português - «Teus olhos húmidos eram lagos / em que nosso desejo se mirava. // Tua boca entreaberta era a mensagem / do teu corpo moço que se dava. // Teu hálito quente / embrulhado de desejo / vinha de não sei lá que profundezas / em que de amor tuas entranhas se abrasavam. // E havia, amor, a envolver-nos, / essa solidão enorme / entre pinheiros, céu e terra quente / da tarde que dorme…» (Tarde). IMAG.68-362

17JUL1939-2012 - Pedro Correia Vaz Osório, aliás Pedro Osório: Compositor, maestro, orquestrador e pianista português - «…Era tão multifacetado quanto exigente e empenhado em cada projecto a que se dedicava… Imprimiu sempre uma marca de contemporaneidade e modernidade na música ligeira portuguesa» (Francisco José Viegas). IMAG.261-391-589

1915-17JUL1959 - Eleanora Fagan Gough, aliás Billie Holiday: Cantora americana de jazz - «Ao cantar, se imitamos, não estamos realmente a sentir. Não existem sobre a Terra duas pessoas iguais, e o mesmo se deve passar com a música - ou, então, não é verdadeira música». IMAG.235-396-509-608

21JUL1899-1961 - Ernest Miller Hemingway, aliás Ernest Hemingway: Escritor americano, distinguido como Prémio Nobel da Literatura (1954) - «Todos os bons livros têm uma coisa em comum - são mais verdadeiros se, realmente, o que descrevem houver acontecido».  
IMAG.76-180-235-329-377-474-477-599-608-655-668

1931-23JUL1989 - Donald Barthelme: Escritor americano - «O objectivo da literatura… é a criação de estranhos objectos cobertos com pele, e que nos deixam de coração partido.» (Come Back, Dr. Caligari - excerto). IMAG.503

1914-23JUL2009 - Joaquim Luís Gomes: Músico português - «Um muito bom compositor, um excelente orquestrador, com uma sólida preparação teórica, e um homem de bondade e gentileza extremas» (Pedro Osório). IMAG.261-496

VISTORiA

O Verão estala
por todos os poros
da casca das árvores,
da língua dos cães,
das asas das cigarras,
do bico do peito das mulheres,
tão acerado
que rasga o céu de calor
com um golpe preciso
de lanceta.
João José Cochofel
- Quatro Andamentos (1964)
BREVIÁRiO

Harmonia Mundi edita em CD, Wolfgang Amadeus Mozart [1756-1791]: Requiem por Sophie Karthäuser, Marie-Claude Chappuis, Maximilian Schmitt e Johannes Weisser, com Freiburger Barockorchester e RIAS Kammerchor, sob a direcção de René Jacobs.
IMAG.36-55-68-90-102-106-118-172-186-205-216-217-220-227-277-284-285-290-317-321-342-349-375-406-431-449-475-500-503-534-547-589-597-640-666-667-688-703-708

Elsinore edita Rapazes de Zinco de Svetlana Alexievich/Aleksievitch; tradução de Galina Mitrakhovich. IMAG.588-637-688

ANTIQUÁRiO

20JUL1969 - Às 22 horas e 56 minutos, culminando a Missão Apollo XI, sob o signo da NASA, o módulo Eagle desce na Lua e o astronauta comandante Neil Armstrong (1930-2012) é o primeiro a tocar a superfície selenita, declarando: «Este é um pequeno passo para o Homem, mas um salto gigantesco para a Humanidade!».
 IMAG.91-142-149-235-424-427-498-508-644

PARLATÓRiO

O Homem Na Lua
Este espectáculo inédito tem o sabor da liberdade. Não é só a cosmonáutica que está de parabéns, é também a poesia. Primeiro foi o sonho e agora já se pode sair daqui da Terra e voltar vivo. Bem sonhado e bem realizado o sonho de Ícaro e de Júlio Verne.
Almada Negreiros
- JUL1969 - Diário de Notícias

Quero tudo e não quero nada. Posso? É-me permitida tal ousadia?
Ernest Hemingway

EXTRAORDINÁRiO

OS ALTERNATIVOS - Folhetim Aperiódico

IRONIA E RECONSTITUIÇÃO DA CAVEIRA HIPOCONDRÍACA - 3

Quando a civilização se expunha em palco de guerra, a sua influente personalidade representaria, pelo espectáculo, um baluarte da paz. Para tal, pondo ao serviço do Estado Novo as plenas expectativas duma carreira auspiciosa iniciada como estagiário virtual nos cenários germânicos da Ufa, ainda ao tempo das imagens puras, e potenciada com os estúdios da Nobis Portuguesa, pela megalomania de cintilar na tela uma indústria falante.
Continua
 

Sem comentários:

Enviar um comentário